• Por
  • Esp
Síndico avalia Porter Portaria Remota após o primeiro mês de implantação 16 de maio de 2016

Síndico avalia Porter Portaria Remota após o primeiro mês de implantação

Síndico de dois condomínios administrados pelo Grupo Calcular, o cirurgião-dentista Valmir Thomé, disse estar "muito satisfeito com a portaria remota Porter do Brasil depois de um mês de funcionamento". Implantado em um condomínio com 100 apartamentos, na zona oeste de Marília, o sistema mostrou ser viável não apenas para condomínios de pequeno e médio portes, como também para aqueles com dezenas de unidades.

Síndico Valmir Thomé e Moreno Medeiros, gestor do Porter de Marília.

"Conheci a portaria remota Porter em um condomínio com 32 apartamentos e, no começo, avaliei se seria possível implanta-la em uma estrutura maior, com muitas unidades. No entanto, pesquisando a empresa vi que no Brasil há mais de 200 condomínios horizontais e verticais, de vários tamanhos, e funciona muito bem", observou o síndico.

Segundo ele, no caso deste condomínio, "a mudança foi visível e os condôminos estão satisfeitos, reconhecendo como as coisas melhoraram por lá". Como a portaria remota possui um avançado aparato tecnológico, mesmo sem porteiros na guarita, o acesso é monitorado à distância, com imagens e áudios gravados permitindo sua checagem posterior em caso de alguma intercorrência.

Outro fator determinante para a escolha da portaria Porter do Brasil, de acordo com Valmir,  foi "o respaldo dado pela Calcular. É uma administradora que tem como clientes vários condomínios onde temos imóveis. Conheço a seriedade do trabalho da equipe comandada pela diretora Thereza Brandão".

O síndico disse que já solicitou orçamentos e projetos técnicos para vários condomínios e espera que a portaria remota Porter seja implantada para aumentar a segurança e reduzir os custos. Em média, a economia varia de 50 a 70% do valor da portaria presencial 24 horas, impactando diretamente na taxa condominial.

Estrutura

Para o gestor do Porter de Marília, Moreno Medeiros, "a experiência de instalar a portaria remota neste condomínio foi um desafio compensador. Vimos que, com planejamento e o suporte da franqueadora, é possível colocar o sistema para rodar com muita segurança". Ele acrescentou que "foi realizado um estudo de perímetro e o condomínio passou a contar com concertinas e câmeras no entorno, além das câmeras de gerenciamento de acesso, para maior segurança aos moradores".

Sobre os projetos em andamento, o gestor informou que no início da semana foi entregue a portaria remota do condomínio de dois blocos e 32 unidades, localizado na zona leste. "Este condomínio fez muitos estudos e pesquisou várias empresas. Ficamos satisfeitos por termos sido escolhidos ao final do processo e podermos entregar uma portaria remota de alta qualidade, testada e comprovada no Brasil inteiro".

Matéria: Célia Ribeiro